• Floripa (48) 97400 1200
  • Itajaí (47) 99284 0967

Blog

IAvatar Fernando Barcellos

por

Olá! Eu sou o Fernando, Analista de Marketing Digital da Escola Técnica Geração. Espero que você curta esse conteúdo. Boa leitura. Aproveito para deixar um convite para você baixar alguns materiais gratuitos. ;)

Os 6 piores erros cometidos em seu currículo

O currículo, na maioria das vezes, é o principal meio pelo qual os empregadores fazem contato com os candidatos. Assim, é essencial que esse documento seja elaborado de forma cuidadosa e estratégica. Vale destacar também que existem alguns erros cometidos em seu currículo que podem fazê-lo ir direto para o lixo. Você sabia disso?

É exatamente o que acontece. Muitas vezes, até mesmo pessoas qualificadas acabam perdendo vagas importantes de emprego por conta de um currículo mal elaborado. Por isso, ao criar um currículo, é necessário pensar nele como um cartão de visitas que refletirá o seu potencial ao empregador.

É importante ainda ressaltar que os erros cometidos em seu currículo nem sempre estão relacionados à falta que qualificação profissional, mas sim, à falta de conhecimento para elaborar tal documento.

Portanto, pensando em ajudá-lo, elaboramos este post no qual falaremos sobre os 6 piores erros cometidos em seu currículo de acordo com a análise de especialistas em RH e como evitá-los. Interessado(a) pelo tema? Então, continue a leitura até o final.

Mentir sobre qualificações e experiências profissionais

Mentir sobre suas qualificações e experiências profissionais é simplesmente um dos erros cometidos em seu currículo que é mais imperdoável.

Não adianta você mencionar no currículo, por exemplo, que fala fluentemente determinado idioma ou que é expert em um programa de computador, se isso não for verdade.

Tenha em mente que, submeter candidatos a testes de qualificação, para averiguar a veracidade de determinadas informações apresentadas nos currículos, é algo comum para a realidade atual das empresas. E nessa hora, se você tiver informado algo inverídico, provavelmente perderá a vaga de emprego por conta desse deslize.

Além disso, mentir sobre as suas experiências profissionais também não é o meio mais fácil de conseguir a vaga. Isso porque, a empresa que está contratando pode entrar em contato com seus antigos empregadores para pedir referências. E aí, novamente, você pode ser desmascarado, o que inviabilizará uma possível contratação.

Então, sem sombra de dúvidas, a transparência no momento de elaborar o currículo e passar pela entrevista com o recrutador é o jeito mais seguro de tentar conseguir a vaga desejada. Nesse caso, outras características como honestidade e disposição para aprender podem chamar mais a atenção do recrutador do que um “currículo superdimensionado”.

Erros ortográficos ou de digitação

Não há como negar que um currículo com erros ortográficos ou escrito fora da norma culta da língua portuguesa passa realmente uma impressão ruim a qualquer pessoa, principalmente ao recrutador. Afinal, ninguém quer ver um documento importante cheio de erros, mal formatado e com gírias.

Além disso, existem ainda os erros de digitação como letras invertidas ou repetidas – que são até comuns – no entanto, devem ser revistos. É comum que, na pressa para elaborar o currículo, acabemos cometendo alguns erros de digitação. Diante disso, é recomendado que ao final do processo seja realizada uma revisão geral no documento, com intuito de verificar se as informações estão dispostas corretamente e se não há erros de digitação. Ademais, também é muito importante passar o texto em um corretor ortográfico para garantir a precisão ortográfica de seu currículo.

Excesso de informações

O excesso de informações também pode ser um erro cometido em seu currículo. Você já reparou quantas páginas o seu currículo possui? Saiba que uma ou duas já são suficientes para expor seus dados, qualificações e experiências.

Por isso, você deve dispor as informações do seu currículo de forma estratégica, colocando seus dados, atribuições, experiências e qualificações de maneira objetiva. Evite colocar informações desnecessárias ou contar histórias longas e que não sejam pertinentes, pois isso configura mais um dos possíveis erros cometidos em seu currículo.

É necessário ter em mente que, o empregador ou recrutador possui provavelmente muitos currículos para olhar e analisar. Desta forma, ao se deparar com um documento lotado de informações que não sejam relevantes, que tornam a leitura pesada e cansativa, ele certamente descartará seu currículo automaticamente.

Portanto, organize as informações do currículo de modo que seja possível ao recrutador fazer uma leitura prática e que, ao bater o olho, ele já consiga descobrir as principais informações sobre você, suas qualificações e experiências.

Formatação informal

A formatação informal também pode ser um dos principais erros cometidos em seu currículo e você precisa evitá-la. Muitas vezes, na tentativa de impressionar o recrutador, algumas pessoas elaboram currículos extensos e com detalhes desnecessários.

Além do mais, o uso de imagens, GIFS, margens ou até emojis não é apropriado e realmente pode passar uma imagem de informalidade ao recrutador. Portanto, evite cores muito chamativas ou a utilização de muitas imagens. Prefira um layout simples, um visual sóbrio e sem exageros, principalmente para cargos mais formais. Entretanto, se você trabalha em áreas como design e publicidade, essa regra normalmente não é aplicada, já que a criatividade é um pré-requisito da função.

Não informar o objetivo profissional

O objetivo profissional, sem dúvida, é uma das informações mais importantes do currículo. Afinal, o recrutador precisa saber em qual ou quais áreas você está interessado. Portanto, seja objetivo e mencione no máximo três áreas de atuação correlacionadas com a área que você já tem experiência ou que pode atuar.

Um erro fatal cometido em seu currículo é colocar no campo objetivo profissional a seguinte frase: “À disposição da empresa”. Fazer isso por um lado pode mostrar disponibilidade para aprender ou executar novas funções, mas em contrapartida, demonstra à empresa que você não tem objetivo profissional e foco na carreira.

Ou seja, que está aceitando literalmente qualquer coisa e que não tem habilidades definidas em determinadas áreas. Isso na maioria das vezes soa como algo negativo, então para diminuir as chances de perder a vaga, evite esse erro comumente cometido.

Falta de atenção com os dados de contato

Preencher os dados de contato incorretamente também é um dos piores erros que pode ser cometido em seu currículo. Não raro, pessoas enviam currículos sem informações básicas de contato, como e-mail ou celular. Dessa forma, ainda que o recrutador tenha interesse no seu perfil profissional, ele não conseguirá entrar em contato para dar continuidade ao processo seletivo.

Além disso, assim como informações de menos é um problema, demais também. Alguns dados são simplesmente desnecessários, como número de RG e CPF. Dessa forma, se de repente o seu currículo cair em mãos erradas, você pode ser prejudicado por expor seus dados pessoais. Por isso, coloque somente o essencial e confira os seus dados de contato antes de enviar, como endereço de e-mail e DDD do telefone.

Em suma, esses são os 6 piores erros cometidos em seu currículo e você precisa evitá-los se deseja conseguir aquela vaga de emprego tão desejada. O fato é que não existe segredo para elaborar um currículo. Ao seguir as dicas dispostas neste artigo e realizar uma boa revisão ao final da elaboração, certamente, as chances de sucesso serão promissoras. Além disso, como já mencionado, a clareza e transparência também são essenciais na hora de confirmar as informações do currículo. Boa sorte!

Depois de ler sobre 6 piores erros cometidos em seu currículo, que tal conhecer algo que melhorar e muito suas chances de conseguir um novo emprego?

👉 Conheça a Escola Técnica Geração, líder de empregabilidade em Santa Catarina, e escolha um Curso Técnico que realmente pode mudar a sua vida!

🚀 Deseja impulsionar seu futuro profissional?

O Ensino Técnico, de modo geral, oferece cursos de rápida duração (de 18 a 27 meses), com mensalidades acessíveis e conteúdo voltado às necessidades do mercado de trabalho. Esses são alguns dos principais motivos pelos quais grandes economias como Alemanha e Suíça investem tanto na formação técnica, com importante papel na diminuição dos índices de desemprego.

Os profissionais formados na Escola Técnica Geração têm maior aceitação no mercado de trabalho, fruto do prestígio alcançado pela instituição em seus 20 anos de atuação em Santa Catarina. Além disso, seus alunos ainda contam com sistema de encaminhamento profissional, através da Central de Estágio e dos convênios com empresas parceiras.

Conheça nossos Cursos Técnicos

Parabéns
Em breve você receberá com exclusividade nossas publicações e materiais de estudos.
Ocorreu um erro ao enviar o formulário
Preencha o captcha corretamente
Informe o seu nome.
Informe o seu e-mail.

Contato

Conheça nossas Unidades

Florianópolis
Rua Felipe Schmidt, 291, Centro.
(48) 3223.1800
(48) 97400.1200
Itajaí
Rua Felipe Schmidt, 480, Centro.
(47) 3346.3300
(47) 99284.0967